quilombos e memoriais

quilombos e memoriais

No Vale do Café você encontra a força do legado dos povos originários da floresta (indígenas), africanos, europeus, árabes, judeus, vivos nas tradições,  costumes, arquitetura, culinária, música, dança, conhecimento botânico, e muito mais. 

Programe-se para visitar um Quilombo com 170 anos de existência.  O Quilombo São José da Serra, onde quilombolas descendentes de africanos do Congo, Guiné e Angola vivem de turismo cultural, culinária e agricultura orgânica é imperdível. Quilombo ou Kilombo, é uma palavra que vem de uma das linguagens Banto, o Kimbundo, do noroeste de Angola. Vá ao Centro Cultural do Jongo de Pinheiral, das três adoráveis professoras Fatinha, Meméia e Glorinha, em Pinheiral, para um banho de imersão com aulas de dança, canto, tambor, almoços…um programa fascinante. 

Na rota da cultura afro brasileira, descubra também O Memorial de Manoel Congo, herói africano,  que liderou junto com Marianna Crioula a busca por liberdade de mais de 400 africanos e seus descendentes escravizados no século 19 e siga para as grutas construídas também por escravizados, na rota de fuga, e em homenagem à Nossa Senhora da Penna .